Ã÷Öé¹Ù·½ÍøÖ·

Portal Tributário Obras Eletrônicas Cadastre-se Tributos Boletim Downloads

Tamanho do Texto + | Tamanho do texto -

COMPENSE O IRF DO "COME-COTAS"

Equipe Guia Tributário

Semestralmente, em maio e novembro, as empresas que mantém aplicações financeiras em fundos de investimento (FIF), sofrem retenção do Imposto de Renda na Fonte (IRF) do saldo aplicado (sistema conhecido como “come-cotas?.

Para fins de recuperação do imposto, recomenda-se que as empresas tributadas pelo Lucro Presumido ou Lucro Real明珠官方网址 obtenham, junto às instituições financeiras, o extrato com os valores retidos das aplicações nestas datas, para compensar o Imposto de Renda com o devido.

No Lucro Real, pode ser deduzido o Imposto de Renda pago ou retido na fonte sobre as receitas que integraram a base de cálculo.

Na apuração da estimativa, a partir da receita bruta, as receitas de aplicações financeiras não são computadas na base de cálculo do Imposto de Renda a recolher no mês, portanto também não ?possível a dedução do respectivo IRF nos meses de maio e novembro. Porém ?possível a dedução do IRF no "balanço anual" (dezembro).

Em se tratando de apuração com base no balancete de suspensão ou redução as receitas de aplicações financeiras estão contempladas na determinação do lucro, portanto ?possível a dedução do IRF no saldo do IRPJ a recolher.

Para efeito de pagamento do IRPJ, a pessoa jurídica optante pelo Lucro Presumido poder?deduzir do imposto devido no período de apuração, o imposto pago ou retido na fonte sobre as receitas que integram a base de cálculo.


Quer mais dicas de economia tributária? Acesse alguns tópicos do Guia Tributário Online:

Compensação de Tributos pelo Contribuinte

CSLL - Bônus de Adimplência Fiscal

CSLL - Crédito Antecipado sobre Depreciação

Depreciação Acelerada Incentivada - Fabricantes de Veículos, Autopeças e Bens de Capital

Depreciação Acelerada Incentivada - Veículos para Transporte de Mercadorias, Locomotivas e Vagões

Depreciação Acelerada Incentivada - Hotelaria

Drawback

Incentivos ?Inovação Tecnológica

Incentivos Fiscais - Microrregiões da Extinta SUDAM e SUDENE

IOF - Exportação e Infraestrutura - Alíquota Zero

IOF - Simples Nacional - Alíquota Reduzida

IPI - Créditos na Aquisição de Comerciante Atacadista Não Contribuinte

IPI - Créditos por Devolução ou Retorno de Produtos

IPI ?Crédito Presumido como Ressarcimento do PIS e da COFINS para o Exportador

IPI ?Crédito Presumido sobre Aquisição de Resíduos Sólidos

IPI ?Incentivos Regionais

IRPF - Deduções do Imposto de Renda Devido - Pessoas Físicas

IRPF - Deduções no Livro Caixa - Profissional Autônomo

IRPJ - Depreciação Acelerada Incentivada - Máquinas, Equipamentos, Aparelhos e Instrumentos

IRPJ e CSLL - Desmembramento de Atividades

IRPJ - PAT

IRPJ - Venda a Longo Prazo de Bens do Ativo Não Circulante - Diferimento da Tributação

IRPJ e CSLL - Dedução da TJLP

IRPJ e CSLL - Perdas com o Recebimento de Duplicatas Incobráveis

PIS e COFINS - Créditos Não Cumulativos sobre Aquisição do Imobilizado

PIS e COFINS ?Créditos Não Cumulativos sobre Depreciação

PIS e COFINS - Serviços de Transporte - Créditos sobre Manutenção de Veículos

PROUNI - Desoneração Tributária

REFIS 2013/2014 - Redução de Encargos - Não Tributação

REINTEGRA - Crédito Tributário na Exportação

Ressarcimento da Propaganda Eleitoral Gratuita


Tributação | Planejamento Tributário | Tributos | | Publicações Fiscais | Guia OnLine | Boletim Fiscal | 100 Ideias | | | RIR | RIPI | RPS | ICMS | IRPJ | IRPF | IPI | ISS | PIS e COFINS | Simples Nacional | Cooperativas | Artigos | | |